11
Apr 2017

Um número que assusta. 150 milhões de crianças vivem em situação de rua em todo o mundo.

Às vésperas do Dia Internacional das Crianças de Rua, lembrado anualmente em 12 de abril, é necessário discutir uma situação alarmante, que atinge milhares de crianças em todo o mundo. Ao todo, 150 milhões de crianças vivem em situação de rua. Muitas delas tentam escapar da pobreza extrema, da violência doméstica, de famílias desestruturadas e acabam encontrando, nas ruas, outros problemas como a discriminação e a exploração sexual. 

No Brasil, cerca de 24 mil crianças e adolescentes estão vivendo em situação de rua,  a maioria são meninos, na faixa etária entre 12 e 15 anos, que estudaram até a 4ª série e tiveram algum desentendimento familiar.   

Felizmente, em Belo Horizonte muitas dessas crianças têm a oportunidade de reconstruir seus laços comunitários e familiares e transformar a realidade em que vivem. Isso é possível por meio de programas de apoio, como o Miguilim, abraçado pelo Instituto MRV,  que tem como objetivo superar a discriminação, oferecer atividades educativas, culturais, alimentação e assistência social completa para que essas crianças deixem as ruas.

O Instituto MRV reconhece a importância de assegurar a cada criança o seu direito à vida, à saúde, à alimentação, à educação, ao esporte, ao lazer,  à cultura, à dignidade, ao respeito, à liberdade e à convivência familiar e comunitária. Por isso, trabalha junto à comunidade na promoção e no apoio a programas que garantem a transformação social do nosso país, por meio da educação,  preparando cidadãos para a vida e concretizando mudanças positivas na realidade de crianças, como as que vivem em situação de rua e necessitam de oportunidades para um futuro melhor.

Fontes:

https://nacoesunidas.org/abandonadas-e-descartadas-mais-de-150-milhoes-de-criancas-vivem-nas-ruas-alertam-especialistas-da-onu/

http://www.gazetadopovo.com.br/vida-e-cidadania/23-mil-criancas-ainda-vivem-nas-ruas-no-brasil-epp6r1bvny1r1impam9dv7426



Fonte: www.institutomrv.com.br
Compartilhe