28
Nov 2017

Ensinar as crianças a plantar uma horta desperta hábitos mais saudáveis

São inúmeros os benefícios que colhemos ao incentivar as crianças a cuidarem de uma horta.

Segundo pediatras, a atividade faz muito bem para a saúde, pois ajuda os pequenos a desenvolverem mais consciência sobre todo o processo que envolve a alimentação, o que diminui as chances de desenvolverem obesidade infantil.

Além disso, engajar as crianças nesse trabalho colaborativo faz com que elas exercitem o convívio social e aprendam a respeitar a natureza.

Se você não tem muito espaço para fazer uma plantação, saiba que as mini-hortas cultivadas em vasos e floreiras já são um grande passo e é possível começar agora mesmo!

Faça a sua horta em casa

Você precisa apenas de vasos com, no mínimo, 10 cm de altura e um furo na parte inferior, um prato para base e um bom local para instalá-los, perto de janelas que recebam bastante sol – pois as
plantas de hortas precisam ser expostas ao sol por 4 a 5 horas por dia.

Uma dica: sempre que possível, dê preferência para as mudas, que costumam se desenvolver melhor do que as sementes!

Em seguida, coloque no fundo do vaso uma camada de argila ou cacos de telha que irão fazer a drenagem. Por cima, ponha húmus ou terra vegetal pura até a altura das mudas. Acomode as mudas e cubra com o restante da terra.

Agora é só regar com regularidade, mantendo a terra úmida, mas não encharcada.

O que plantar

Ervas aromáticas são as preferidas, mas é possível cultivar em casa muitos outros alimentos, como cenoura e tomate baby, rabanetes e morango, por exemplo. Além de ser divertido plantar, ver brotar e colher, a variedade irá ensinar e incentivar as crianças. E a natureza irá agradecer, é claro!    



Fonte: Instituto MRV
Compartilhe