29
Jan 2019

Histórias que transformam histórias

Investir na formação de leitores é um bom caminho para se chegar a uma sociedade mais igualitária, onde é possível que cada vez mais gente tenha acesso ao conhecimento crítico, à capacitação profissional e à garantia de direitos. Foi com esse pensamento que, no ano passado, a  Biblioteca Interativa do Centro Educacional Marista Irmão Acácio, de Londrina (PR), apoiou a criação do Coletivo de Histórias Rosazul. A ideia era promover o protagonismo juvenil e capacitar adolescentes do grupo como contadoras de história.

A mudança vem do pensamento de que o hábito da leitura pode ser fomentado de maneira lúdica, com atividades que apresentem as histórias e a literatura de maneira divertida. A partir daí, a pretensão é que o Rosazul seja um grupo profissional de contação de histórias, que possa vender seus espetáculos para feiras literárias, eventos e escolas. Isso significa, para as famílias das educandas, mais renda!

Para divulgar seu trabalho, o Coletivo atua em espaços públicos, buscando democratizar o acesso à cultura. Por meio do encantamento, das histórias e da imaginação, ele desperta o sentimento de pertencimento e, ao mesmo tempo, educa. Odília Fernandes, bibliotecária da instituição, afirma com todas as letras que "o Coletivo não nos trouxe só recursos financeiros, trouxe um espírito novo para essas adolescentes que até então se recusavam a acreditar no potencial delas mesmas e do grupo. Nossa unidade se transformou: hoje as crianças também querem ser contadoras de histórias".

A parceria com o Instituto MRV veio reforçar ainda mais esses laços e o projeto em si, possibilitando a formação de adolescentes em situação de vulnerabilidade social como agentes promotoras de cultura. Desde a criação do Rosazul, foram 520 pessoas atendidas diretamente em 4 oficinas: musicalização, literatura, técnica de contação de histórias e confecção de abayomi. 

Que venham mais histórias como essa, linda de se contar!

Assista ao vídeo sobre o projeto: https://youtu.be/WAAsCbGiHzQ
 



Fonte: Instituto MRV
Compartilhe